domingo, 9 de novembro de 2008

Observando...

Será que quando olhamos para alguma coisa vemos todas suas facetas ou vemos apenas o que queremos ver? Será que somos capazes de reconhecer imediatamente uma ilusão de ótica? Se quiser brincar um pouco, faça o teste abaixo e verifique sua capacidade de encontrar o que esconde cada imagem. Preste atenção, cada questão pode ter várias respostas (pode clicar à vontade, as participações são anônimas e os pontos não são contados)...



E então, encontrou tudo, ou mesmo até mais do que as respostas propuseram? Senão, não faz mal, o senso de observação pode ser educado, e além disso ser distraído também tem seu charme, não é mesmo?








10 comentários:

Eduardo P.L disse...

Maria Augusta,

é na verdade uma questão de treino. O cérebro esta habituado com formas, e as "leituras" visuais tornam-se automáticas, e para este passa tempo é preciso descodificar o cérebro!

Muito boa postagem. Bom Domingo!

João Menéres disse...

Maria Augusta,

Não foi por mero acaso que postou a CARTA BRANCA, pois não ?
É das obras de Magritte que mais me impressiona !
Muito obrigado.

Adorei o jogo da observação !

No vaso, eu vejo uma pulseira.
Correu-me bem o teste !!!

Bj.

Meire disse...

Guta, tudo bom?
Eu sempre costumo ver imagnes no contorno das montanhas, das nuvens, nas sombras, na pipoca estourada..
Mas aqui, imagino q por ja estar preparada para ver algo, nao consegui ver...rs

Bjs

Meire

Georgia disse...

Maria Augusta, boa noite!!!

Algumas dessas imagens eu já a conhecia. Sempre ficava impressionada com o que se pode esconder atrás das imagens. Na primeira figura eu vi até um cálice, mas a palavra nao estava lá, rs.

Gosto desse tipo de coisa, rs.

Uma boa noite

Flor ♥ disse...

Olá! Essa visitinha de hoje tem um motivo especial!
Quero convidar você a participar de uma mais do que justa homenagem a grande poetisa Florbela Espanca, que em 8 de dezembro faria aniversário... Gostaria de poder contar com você para distribuir pela blogosfera o perfume e o sabor de sua poesia, em Blogagem Coletiva no próximo dia 8 de dezembro, em “INTERLÚDIO COM FLORBELA”. Venha fazer parte desse grupo que aplaude e reverencia essa mulher excepcional que tanto contribuiu para a beleza do mundo com seus poemas!

http://interludioemflor.blogspot.com/2008/11/interldio-com-florbela.html

Beijos!

Flor ♥

luzdeluma disse...

Eu queria saber onde estão as coisas que eu não vi e tem uma resposta lá que, sei não. Um nada!! Como assim, o que é um nada? Boa semana! Beijus

Maria Augusta disse...

Eduardo, é verdade, que para ver além da primeira vista é preciso "abrir" o cérebro e reavaliar as imagens.
Abraços.

João, realmente não foi por acaso, postei esta imagem porque sou grande fã de Magritte. Vi ontem lá no Varal que você fez um trabalho "à la Magritte", uma feliz coincidência que tenham saído no mesmo dia, umaa dupla homenagem a este grande pintor!
Então você viu uma pulseira no vaso? Não a tinha percebido, mas observando de novo também a achei.
Abraços.

Meire, é assim mesmo, às vezes encontramos quando não procuramos e vice-versa.
Um grande beijo.

Georgia, na primeira também vejo um cálice e uma espécie de construção na cabeça do idoso (deve ter ainda mais coisas) mas no questionário só podia colocar três opções (rs).
Beijos e boa blogagem coletiva para você.

Flor, está anotado o convite, é um bom meio para divulgar esta grande poeta que é Florbela Espanca, que aliás conheci na blogosfera.
Um abraço.

Luma, as coisas estão nas imagens, por exemplo na primeira, tem um músico no rosto do idoso (a sobrancelha é seu chapéu e o nariz seu braço) e a mulher na rosto da idosa (igualmente o braço é o nariz da idosa e o rosto da mulher está no olho). Quanto à opção "nada", a proposta é fixar 30 segundos e olhar numa folha branca. Na verdade o que vi na folha branca na primeira vez que tentei foi mesmo "nada" (rs), depois apertando os olhos vi a efígie de Jesus.
Beijos.

disse...

Mria Augusta...adoro estes joguinhos ou testes...mas aqui minha vista me enganou bastante...Uma ótima semana e beijos...

João Menéres disse...

MARIA AUGUSTA

Se quiser eu posso mandar-lhe o meu A la Magritte II, em codições de o ver.
Só preciso do seu e-mail...

Bj.

acqua disse...

Boa tarde Maria Augusta (quase noite) chove lá fora e isso quer dizer que a noite chegou mais cedo. Eu adoro essas imagens, sempre me divirto com elas.
Eu sempre digo que as pessoas vêem apenas o que elas desejam ver e há aquelas, que claro, olham muito mais além e vêem coisas que talvez nunca estejam lá. Depende de tantas coisas...
Abraços meus e uma linda semana para ti...